Novo relatório da WWF: Pegada Hídrica em Portugal evidencia forte dependência de Espanha e elevado peso das importações de algodão, soja e carne | WWF

What would you like to search for?

Our News

Novo relatório da WWF: Pegada Hídrica em Portugal evidencia forte dependência de Espanha e elevado peso das importações de algodão, soja e carne

15 Setembro, Lisboa, Portugal – A WWF, organização global de conservação de natureza, divulga hoje o seu mais recente relatório “Pegada Hídrica em Portugal - Uma análise da pegada de consumo externa”. Este relatório reforça as conclusões do primeiro relatório sobre a pegada hídrica portuguesa, que apontava já para o forte peso do sector agrícola, e para a elevada dependência externa, com mais de metade da água virtual consumida em Portugal a ter origem noutros países.

O relatório analisa em detalhe a dimensão desta dependência externa, quais os principais produtos agrícolas que a justificam, quais as suas origens geográficas e quais os impactos causados por esse consumo de água virtual. O principal destaque vai para a forte dependência de Portugal da importação de água virtual de Espanha, e para o elevado peso do algodão, dos produtos pecuários (carne, leite, pele) e da soja. Estes produtos são os que mais contribuem para a pegada hídrica portuguesa, quer pelo volume total de água importada, quer pelo forte balanço negativo que apresentam. As produções de uva e de azeitona (sobretudo para a sua transformação em vinho e azeite, respectivamente) são das poucas em que Portugal apresenta um excedente na balança de água virtual.